O que é metáfora?

Metáfora é a palavra ou expressão que produz sentidos figurados por meio de comparações implícitas. Ela pode dar um duplo sentido a frase. Com a ausência de uma conjunção comparativa. Para Aristóteles, "a metáfora é a transposição do nome de uma coisa para outra, transposição do género para a espécie, ou da espécie para o gênero, ou de uma espécie para outra, por analogia".

A Câmara Júnior afirma que Metáfora é a figura de linguagem que consiste na transferência de um termo para um âmbito de significação que não é o seu". Metáfora é um termo que no latim, "meta" significa "algo" e "phora" significa "sem sentido". Esta palavra foi trazida do grego onde metaphorá significa "mudança" e "transposição".

Exemplo de metáfora: Pisando em ovos.

A metáfora é considerada uma figura de linguagem e muitas vezes é confundida com a comparação. A diferença entre a metáfora e a comparação é que na primeira situação o elemento comparativo não está presente.

A metáfora costuma ser muito usada na linguagem diária pelas pessoas, mesmo não sendo intencional. Muitas pessoas não querem ou não conseguem expressar o que realmente pretendem falar, assim, acabam usando uma metáfora onde o seu real significado fica subentendido.

Exemplos de metáforas:
  • Estou sempre dando chute em ponta de faca.
  • Ele carrega o mundo nas costas.
  • O gramado de futebol é um lindo tapete verde.

Veja o exemplo de uma metáfora (caso 1) e uma comparação (caso 2):
  1. Seus olhos são como luzes brilhantes. (Uso da palavra COMO, demonstrando claramente uma comparação)
  2. Seus olhos são luzes brilhantes. (Neste caso não é mais usado o COMO, apenas percebe-se um sentido simbólico)

Note outros exemplos:
  1. Sou um poço de lamentações. Neste exemplo a pessoa está se comparando a um poço, porém, devemos lembrar que mesmo havendo uma comparação, não é usado uma palavra para denotar claramente este fato, como o uso do COMO.
  2. Ela é uma flor. Neste exemplo o "ela" está sendo assemelhado a uma flor, ou seja, em uma espécie de comparação abreviada, assim, sem o uso de qualquer conectivo.

Em resumo, a metáfora é uma figura de linguagem que emprega uma palavra em um sentido que não lhe é comum ou próprio, em uma relação de semelhança entre dois termos distintos.
Share on Google Plus

About VALDERI FERREIRA